Esse luto não passa??


Tem sido cansativo. Exaustivo lamentar a dificuldade de meu filho.
Achei q eu tinha tirado de letra, mas que nada, ainda choro.

Filhos amados:
Não tomem isso como uma rejeição. Pq minhas lágrimas são apenas por temer o mundo, por temer pessoas diferentes de mim, de nós, incapazes de compreender e respeitar as diferenças.
Vai chegar um dia em que eu serei mais forte e conseguirei ensinar ainda mais q as diferenças não existem. Que vcs são autosuficientes para lutar por seus direitos e que, caso não seja, um irá cuidar do outro, pq foi isso q a mamãe sempre mostrou q se faz.
O amor vem acima de tudo. O amor é superior a tudo e eu sei q passarei por isso tbm.

Qto ao tratamento, estamos indo.
Tem sido tão cansativo. A Van da prefeitura nos pega às 4 da manhã e a casa da esperança abre às 7 horas.
O atendimento do Artur é às 10:30hs e a gente fica passeando por lá.
Nas primeiras vezes foi um terror esperar o tempo passar.
 Horas de esperas ansiosas. Horas de aflição, horas olhando o futuro.
Depois vieram os dias dolorosos onde todos perguntavam as mesmas coisas:
Como começou, quando começou, pq começou [se eu soubesse...]
É q foi muito doloroso, acaba que a gente fica se fazendo questionamentos, fica voltando ao passado, mexendo em feridas não cicatrizadas. 
Bem, pelo menos por enquanto terminou.
Passamos a etapa de entrevistas, Artur já é figurinha carimbada na Casa da Esperança e logo logo estaremos craques em como entender e ajudar nosso bem precioso.
Tem sido muito cansativo.
Mas quem disse q é fácil??
Mas quem disse q não pode ser prazeroso tbm??
Estamos na luta e vamos vencer, é óbvio!!


Já estamos aprendendo muitas coisas, em como lidar com ele, como ensinar ele a pedir as coisas, como não deixar a birra tomar conta de tudo.
Tudo isso em dois dias! Olha q maravilha!!


Artur mudou!
Ele agora é uma criança agitada, q dorme pouco, q não para de correr, graças a Deus, que não para de sorrir tbm.
Vejo apenas q sua agitação é diferente de tantas outras q ele teve.
Ele não para de correr, não para de pular, cai se machuca, levanta, corre de novo, joga tudo pelo chão, mas o mais importante ele não faz, que é se concentrar numa coisa só.

Hj eu ia perguntar para o Jean pq é assim.
Jean é o Terapeuta Ocupacional do Artur, mas ele tbm é formando em Neurologia, trabalha com deficientes há pelo menos 10 anos, talvez ele tivesse uma resposta.
Mas nossos horários ainda estão se acertando e hj ainda não deu certo.
Mas a gente espera, por enquanto vamos levando do jeito q dá.

Estou muito feliz com o tratamento do Artur, com o tratamento q tenho recebido lá.
Tem sido uma lição de vida. Todos os dias.
Continue >>>
Share |

O Meu Melhor

Desde o começo

Blog Archive

 

Viagem de mãe ♣ ♣ ♣ Mamanunes Templates ♣ ♣ ♣ Inspiração: Templates Ipietoon
Ilustração: Gatinhos - tubes by Jazzel (Site desativado)